Pesquisadores da UFPI realizam testes em animais do Sistema de Compartilhamento de Ventiladores com Parametrização Individual

O resultado obtido será submetido ao Conselho Nacional de Ética em Pesquisa (CONEP) para a autorização de teste em seres humanos

Os pesquisadores do Projeto de Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação (PDI) da Universidade Federal do Piauí (UFPI) finalizou os testes em animais do Sistema de Compartilhamento de Ventiladores com Parametrização Individual. O sistema único em todo mundo visa utilizar um único respirado em quatro pacientes.

Diante do enfrentamento da Covid-19, equipamentos como respiradores são essenciais para salvar vidas. Pensando nisso, conforme o coordenador do estudo Caio Damasceno, os pesquisadores do Projeto de PDI desenvolverem um sistema capaz de compartilhar um respirador para quatro pacientes e oferecer dados individuais, sem comprometer a quantidade de oxigênio recebida por cada paciente.

“Esse é um projeto inovador, o sistema é o único do mundo que usa compartilhamento de ventiladores com parametrização individual e somos a primeira equipe do mundo a fazer testes em animais. Fica um legado e a contribuição para a ciência pela possibilidade de se salvar mais vidas em um cenário pandêmico, como esses que estamos enfrentando”, afirmou Caio Damasceno.

O sistema foi testado utilizando quatro ovinos de peso de aproximadamente 60 kg. Os animais simulavam seres humanos com Covid-19, passando por um estudo e anestesia que se aproxima aos protocolos que estão sendo aplicados em paciente com Coronavírus. Os animais receberam total cuidado dos pesquisadores antes, durante e após o experimento. Os quatro ovinos acordaram bem e estão em plena saúde.

“Esses animais foram sedados, anestesiados e passaram 12 horas sendo ventilados por esse compartilhador. Cada animal recebeu uma parametrização individual de pressão e o controle individual de monitorização de volume. Os resultados foram muitos bons. A gente conseguiu individualizar os parâmetros para cada animal em especifico, se comportando como se fosse quatro ventiladores individuais”, ressaltou o coordenador.

Os pesquisadores estão na fase de compilação dos dados para submissão do Conselho Nacional de Ética em Pesquisa (CONEP) para a autorização de teste em seres humanos. Além disso, todo o conteúdo da pesquisa será submetido para a publicação em revistas científicas internacionais.