Mais de 300 máscaras transparentes serão distribuídas pela Universidade Federal do Piauí ao corpo docente e discente

 

Os pesquisadores do Projeto de Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação (PDI) da Universidade Federal do Piauí chegou ao modelo final das máscaras transparentes para leitura labial. Através de testes desenvolvidos pelo grupo, os pesquisadores chegaram a um modelo translúcido, de baixo custo e com alto padrão de filtragem.

Conforme o coordenador do estudo e também coordenador do curso de Engenharia Elétrica da UFPI, professor Dr. Fábio Rocha, o protótipo possuía dois filtros e algumas dificuldades como embaçamento e condensação interna da máscara que acabava molhando o filtro. A partir disso, os pesquisadores desenvolveram novos estudos para solucionar os problemas até chegar a um modelo final.

“No decorrer do projeto nós adquirimos conhecimento que nos deu esse know-how para desenvolver a máscara. Acabamos posicionando um único filtro na base na máscara e aumentamos o volume de expansão, o que nos rendeu um melhor posicionamento e uma melhor transparência. Consideramos que o projeto foi um sucesso por atingirmos os dois objetivos principais: a translucidez necessária para a leitura labial, que é um complemento da comunicação, e também um bom fator de custo benefício”, afirmou o coordenador.

O projeto contou com o apoio inicial de pesquisadores do curso de Engenharia Mecânica para o desenvolvimento de um maquinário e do apoio financeiro do Ministério Público do Trabalho para a compra de insumos. Além disso, o projeto possui a participação de bolsistas, alunos da Universidade que tiveram a oportunidade de praticar o que aprenderam nas salas de aula.

“Adquiri um grande conhecimento na prática ao produzir o maquinário, modelar um novo tipo de máscara e realizar testes. Foi um período exaustivo até chegar ao modelo final, mas é satisfatório finalizar o projeto. Vou me sentir muito orgulhoso quando eu retornar para a sala de aula e ver os professores utilizando a máscara que ajudei a desenvolver, pois a ideia compartilhada pelo projeto se tornou real”, disse o bolsista João Marcos Vilar, aluno de Engenharia Elétrica da UFPI.

As máscaras finalizadas serão entregues a Administração Superior da Universidade Federal do Piauí, que se responsabilizará pela distribuição de mais de 300 máscaras transparentes.