O treinamento abordou as Metas Internacionais de Segurança do Paciente com o objetivo de reforçar os protocolos de segurança.

O Hospital de Campanha Estadual (HCE) realizou, entre os dias 20 e 28 de julho, o treinamento sobre as Metas Internacionais de Segurança do Paciente. A ação foi desenvolvida pelo Núcleo de Segurança do Paciente (NSP) do serviço de saúde e teve como objetivo propagar a busca por uma assistência cada vez mais segura.

As Metas Internacionais de Segurança do Paciente foram criadas pelo Organização Mundial de Saúde (OMS) em conjunto com a Joint Commission International (JCI) para trazer segurança aos colaboradores e pacientes das mais diversas unidades de saúde.

Segundo a enfermeira Pedrina Araújo, coordenadora do NSP, esses cuidados são ainda mais necessários no contexto da pandemia de Covid-19. “O treinamento teve como principal intuito ampliar e refletir em cada profissional a importância dos protocolos necessários para um atendimento seguro e de excelência aos pacientes atendidos no HCE”, disse.

O treinamento foi destinado aos colaboradores das áreas de apoio, saúde e administrativa. Os colaboradores foram organizados em pequenos grupos e foram reforçadas as seis Metas Internacionais de Segurança do Paciente, que são: a identificação correta do paciente; melhorar a comunicação entre os profissionais de saúde; melhorar a segurança na prescrição, no uso e na administração de medicamentos; assegurar a cirurgia em local de intervenção, procedimento e paciente corretos (que, no caso, não é aplicável no HCE); higienizar as mãos para evitar infecções; reduzir o risco de quedas e úlceras por pressão”, explicou Pedrina Araújo.

A ação é um reflexo da preocupação que o Hospital de Campanha Estadual tem com a segurança dos seus colaboradores e pacientes. Por isso, o HCE executa treinamentos para trazer ainda mais conhecimento à equipe multidisciplinar que atua no enfrentamento da Codiv-19.